segunda-feira, 8 de setembro de 2008

A Natureza e a Religião


“Deus disse: ‘Eis que eu vos dou toda a erva que dá semente sobre a terra, e todas as árvores frutíferas que contêm em si mesmas a sua semente, para que vos sirvam de alimento. E a todos os animais da terra, a todas as aves dos céus, a tudo o que se arrasta sobre a terra, e em que haja sopro de vida, eu dou toda a erva verde por alimento. ’” (Gn 1, 29-30)

Tudo é criação de Deus, o ar, a terra, o fogo, a natureza em suas espécies animais e vegetais, a água e o SER-HUMANO.
Deus criou toda a natureza por amor à Sua principal criação: O HOMEM.
Ele criou tudo isso e deu ao homem, para que com isso, o homem pudesse sobreviver estando também na condição de criatura dependente de Seu Criador que o deu como alimento tudo aquilo que lhe fosse necessário.

Deus não fez a NATUREZA para que o homem a destruísse, Ele a fez com o propósito de que o homem através dela, encontrasse o Seu criador, e nisto, tirasse para si o sustento e tudo o que lhe fosse necessário para a sua habitação na terra.

Vejamos o que diz a 5º Conferência-Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe:
Amazônia - "A crescente agressão ao meio ambiente pode servir de pretexto para propostas de internacionalização da Amazônia, as quais só servem a interesses econômicos das corporações transnacionais. A sociedade pan-amazônica é pluriirreligiosa”

Isso retrata claramente o quanto os valores naturais são desprezados em termos benéficos para a sociedade como um todo e não deixa dúvidas de quão imenso é o modo pelo qual os exploradores da natureza agem até mesmo em “corporações transnacionais”, o que faz deles pessoas que, como veremos agora, serão punidos pelos seus crimes no julgamento Divino.

“As árvores dos bosques darão seus frutos e a terra dará o seu produto. Viverão com segurança na Terra. Quando eu tiver rompido as cadeias de seu julgo, e seus tiranos, eles saberão que sou eu o Senhor.” (Ez 34,27)

Deus fala claramente que os tiranos que maltrataram a natureza verão que Ele é o Senhor quando TODA a natureza for liberta da exploração á qual está submetida.

Este texto retirado da Bíblia revela o que fez Eclesiastes, filho de Davi rei de Jerusalém:
“Fiz jardins e pomares, onde plantei árvores frutíferas de toda espécie; cavei reservatórios de água para regar o bosque.” (Ec 2, 5-6)

Assim nós também devemos fazer, cultivar aquilo que recebemos de Nosso Criador e preservar aquilo que já nos foi confiado.
Que Deus nos dê a consciência necessária para reconhecermo-nos necessitados da natureza com suas árvores e animais, pois sem ela não haveria outro modo de sobrevivermos enquanto criaturas humanas.
Paz e Bem!
Aldo César dos Reis Borba Jr.
fundador

2 comentários:

Vitão Cavaleiro de Deus disse...

muito belo este blog..

agradeço de coração por vossa vida

e tb gostatia de pedir p/ quem entrasse aqui visita-se o meu.

http://cavaleirodedios.blogspot.com/

Polêmica disse...

Deus não fez a natureza à toa. Ele a fez para que nós possamos nos alimentar, respirar, etc...Portanto, precisamos cultivá-la pois, tudo o que é obra de Deus não pode ser desprezado!

Beijinhos!